Vantagens e Desvantagens de vender em marketplaces

Vantagens e Desvantagens de vender em marketplaces

Vender em marketplaces virou tendência entre os negócios online. É um canal a mais para vender e as lojas tem a possibilidade de expor os produtos para milhares de utilizadores por dia.

“O marketplace é um e-commerce, mediado por uma empresa, em que vários lojistas se inscrevem e vendem seus produtos. Essa loja virtual funciona de forma que o cliente pode acessar um site e comprar itens de diferentes varejistas, pagando tudo junto, em um só carrinho. Essa plataforma pode ser vista como várias vitrines de um shopping center, vendendo as mais diversas categorias. “

Fonte: Wikipedia

Mas será que só há vantagens quando vendemos no marketplace?

Não, há também desvantagens que devem ser levadas em consideração. Pode ser que nem todos os marketplaces façam sentido para o seu negócio.

Vantagens de vender em marketplaces

Os marketplaces são como os shoppings centers da internet. Sem uma limitação de espaço físico, e com uma infinidade de opções de lojas e produtos para os visitantes.

Alguns marketplaces são generalistas, vendendo desde alimentos até móveis. Alguns aceitam bens usados e outros apenas produtos novos. Há também os marketplaces que são de nichos de mercado, e há aqueles que aceitam somente vendedores que são empresas.

Seja como for, todos apresentam algumas vantagens para o vendedor, quais são:

  • Possibilidade de validar o produto e o negócio, antes de investir em plataforma própria;
  • As taxas que o vendedor paga são comummente acertadas após as vendas. Ou seja, gratuito para cadastrar os produtos, e paga somente quando vender;
  • Marketplaces são sites com muitas visitas diariamente, sendo assim, o lojista tem a possibilidade de expor seus produtos para muitos visitantes;
  • Facilidade para o vendedor: o trabalho é cadastrar-se no portal, seguir as regras e cadastrar produtos. Depois é responder as dúvidas de clientes respeitando as regras do portal e enviar os produtos quando as vendas acontecem, dentro do prazo estabelecido pelo marketplace. Todo o trabalho de marketing, meios de pagamento, forma de entrega, garantia de recebimento, entre outros, é por conta do marketplace.
  • O cliente geralmente confia no marketplace para realizar suas compras, enquanto que a confiança em uma loja online nova não é a mesma;
  • Quando um visitante entra no site de um marketplace ele está muito mais predisposto a comprar do que se digitar um termo no buscador e acabar por acessar uma loja virtual.

Como percebe-se, vender em marketplaces pode ser muito bom para as lojas online, e pode dar um up na facturação das mesmas.

Mas como já falamos anteriormente, nem só de vantagens vive esse mundo.

Desvantagens das vendas em marketplaces

Algumas desvantagens são bem claras ao trabalhar com marketplaces, e os lojistas precisam estar atentos aos detalhes se optarem seguir por esse caminho.

  • O vendedor estará sujeito as regras impostas por cada marketplace. Não há liberdade ou autonomia para muitas coisas.
  • A qualquer momento o marketplace pode alterar suas regras ou exigências, então é um ambiente de certa forma instável. Ele pode aumentar a taxa cobrada pelas transacções, ou pode subir o valor das portagens, ou mesmo obrigar o vendedor a oferecer portagem gratuita para compras acima de “x” valor.
  • A marca do lojista não torna-se conhecida. O cliente vai lembrar que comprou no site de tal nome, que é o marketplace.
  • Concorrência altíssima, que torna a famosa briga por preço quase inevitável. Dentro de um marketplace há vários vendedores com o mesmo produto, é difícil diferenciar-se.
  • Na maioria dos casos, não é possível criar promoções exclusivas para alguns produtos, ou cupões de desconto, etc.
vender em marketplaces

Lembre de analisar bem as condições do marketplace antes de firmar contrato, e boas vendas! 🤞

Daniela Lovatto

Graduada em Gestão Comercial e MBA em Digital Business, estuda arduamente o comportamento do consumidor online e o que ele busca nas lojas virtuais. Empreendedora do mundo online!

Relacionados

O BOM atendimento na loja online faz vender mais

O BOM atendimento na loja online faz vender mais

Vender online é mais fácil quando você define o público-alvo

Vender online é mais fácil quando você define o público-alvo

Porque ter um e-commerce em 2020

Porque ter um e-commerce em 2020

Investir em fotos de produtos é essencial ao criar loja online

Investir em fotos de produtos é essencial ao criar loja online

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Quem somos

Ecommerce de Sucesso é um projeto que nasceu de uma necessidade muito clara: desmistificar o e-commerce em Portugal.

É isso mesmo! Existe um mito que ronda os pequenos empresários, de que ao criar uma loja virtual ela venderá sozinha, 24 horas por dia e 7 dias por semana.

No Ecommerce de Sucesso trazemos insights para empreendedores de e-business, e ajudamos na criação de lojas online.