Loja virtual da homepage ao checkout- qual o caminho que o seu cliente faz

Loja virtual da homepage ao checkout- qual o caminho que o seu cliente faz

Você já parou para pesquisar sobre o caminho que o seu cliente faz, dentro da loja virtual?

Por qual canal seu visitante chega, em qual página ele entra no seu site e para onde vai depois dessa página?

Nem sempre a homepage da sua loja virtual será a página de chegada do visitante, bem como nem sempre o checkout será o fim.

Por onde chega o seu cliente?

Primeiro de tudo, é necessário ter uma ferramenta de análise do seu site, como o Google Analytics. Essa ferramenta mostra-te de onde os visitantes vieram, em qual página visitaram, quanto tempo ficaram e para onde foram depois, entre outras muitas coisas.

O visitante da tua loja virtual pode ter chegado até ela através de posts em redes sociais, através de pesquisa no Google (ou outro buscador) ou mesmo através de campanhas pagas. Clique aqui para saber como atrair visitantes para sua loja!

Independente do canal pelo qual ela chegou, dificilmente ela verá a homepage como primeira página. 😮

Por exemplo, se você está a ler esse artigo, certamente pesquisou pelos termos no Google, ou clicou directamente em algum link compartilhado em redes sociais, ou ainda, entrou em outro artigo e acabou lendo esse aqui também. Acertei?

É comum compartilhar-mos em redes sociais os links de artigos específicos de um blog. Como também é comum criar campanhas pagas para a loja virtual, de produtos ou categorias específicas.

Assim, se eu vejo uma oferta de sandálias e clico no link, logo, o meu desejo (e o que a loja virtual deve fazer!) é que eu seja direccionada para a página daquele específico produto.

Não me interessa se a loja virtual me levar para a homepage, porque ao clicar naquele link, eu queria era ver aquela sandália que me foi mostrada anteriormente.

A importância de todas as páginas da loja virtual

Assim sendo, não te parece que todas as páginas de uma loja virtual devem ter a mesma importância aos olhos do lojista?

O que percebo é a tendência de cuidado especial apenas para a homepage.

Sim, como muitos dizem, a home é a vitrina da loja virtual. Mas se o cliente chegar pela página de uma categoria, não seria aquela a vitrina para ele?

Ou seja, as pesquisas mostram que os clientes chegam em páginas de produtos, categorias, navegam pelo “quem somos”, pelas “políticas”, às vezes vão até a homepage.

E então que tal um visitante que a primeira página que vê é do produto pelo qual foi atraído, e o cadastro de produto é um desastre?

A página de produto é pouco atractiva, sem informações suficientes, e não cria um bom início de relacionamento com o cliente?

Afinal de contas, para que o visitante continue a ver outras páginas da loja online, ele precisa sentir-se atraído a isso.

E você, o que pensa a respeito? Comente e compartilhe esse conteúdo para ajudar mais pessoas a compreender o mundo do comércio online! 💛

Daniela Lovatto

Graduada em Gestão Comercial e MBA em Digital Business, estuda arduamente o comportamento do consumidor online e como vender mais no e-commerce. Empreendedora do mundo online! Linkedin: https://www.linkedin.com/in/daniela-lovatto/

Relacionados

Como vender online: as várias ferramentas existentes

Como vender online: as várias ferramentas existentes

Para Vender online na Black Friday é preciso planear!

Para Vender online na Black Friday é preciso planear!

O que influencia a decisão de comprar online

O que influencia a decisão de comprar online

A importância do CTA na loja Online- Call To Action

A importância do CTA na loja Online- Call To Action

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Quem somos

Ecommerce de Sucesso é um projeto que nasceu de uma necessidade muito clara: desmistificar o e-commerce em Portugal.

É isso mesmo! Existem muitos mitos sobre e-commerce, muitos “gurus” que pregam caminhos fáceis para vender online e ter sucesso na internet.

Se você já ouviu que ao criar uma loja online ela venderá sozinha, 24 horas por dia e 7 dias por semana, enquanto você está em casa, de pijamas… precisamos avisar que isso não é verdade. Há muito trabalho, planeamento e perseverança para fazer um e-commerce ter sucesso, especialmente para pequenos negócios.

No Ecommerce de Sucesso trazemos insights para empreendedores de e-business, e ajudamos na criação de lojas online.